[ fotografias de Rita Pinheiro Braga]

“o centro do espaço comercial é dominado pelas esculturas de pulsão primitiva do artista. Nos ocos de Paulo Neves podemos intuir formas em bruto, abertas a várias interpretações, que “colidem” com o mobiliário de design moderno e funcional da Antarte. Dois anjos, que mais nos fazem lembrar dois totems, “guardam” o espaço expositivo. Mas a grande surpresa de 1+1 são as dezenas de fotografias de graffiti que Carlos Magno foi recolhendo no Porto e que apresenta aqui em público pela primeira vez. “

– in Público, 28 de Março de 2010.

A exposição 1+1 teve lugar na Galeria da Loja da Boavista da Antarte, em Março deste ano, e juntou as esculturas de Paulo Neves às fotografias de graffitis do jornalista Carlos Magno.